Esse autismo

Esse autismo que um dia me destruiu, me isolou, me humilhou… Tirou minha capacidade de interagir, de aprender e evoluir… Me trouxe riscos, perdas irreparáveis, traumas inesquecíveis… Esse autismo me colocou no lugar que ninguém queria estar, o lugar da vergonha, da solidão, do medo e da exclusão…

Quantas e quantas vezes chorei, desejei não ter nascido, me desesperei e achei que Deus havia me esquecido. Mas eu cresci, me adaptei ao mundo do meu jeito, tentei deixar de lado meus defeitos para ser uma pessoa melhor que como todo mundo tem erros e também tem acertos…

E então busquei um trabalho, uma posição social, um salário e uma forma de me manter viva, namorei, casei e engravidei. Muitas vezes, tentando me encaixar em um padrão, eu me desesperei… Logo depois o pesadelo voltou, meu filho também era autista e meu coração se dilacerou… Tudo de novo, preconceito, exclusão, quanta dor, medo e solidão. Meu bebê tão pequeno, já vítima de bullying e tão dependente da minha proteção…

Em um momento de fraqueza sofri decepção em cima de decepção, ataques gratuitos de pessoas raivosas que queriam que eu fosse vítima da minha própria história. E foi na hora da pior dor que ressurgi decida a seguir a minha vida, larguei tudo, recomecei do zero, entrei no mundo do meu filho e lhe mostrei que juntos seriamos fortes, salvaríamos muitas pessoas nossa dor um dia para trás ficaria.

Hoje somos vencedores, não exatamente das dificuldades da nossa existência esquisita, mas vencedores de nós mesmos seguindo pelo caminho que Deus programou e acreditou que a gente conseguiria.

KenyaDiehl®️

Autismo é vida – me ame como sou

AutismoMake

Faça com amor, faça como um autista!

Deixar uma resposta