O sofrimento

O sofrimento é algo íntimo, pessoal e totalmente subjetivo. O que me faz sofrer pode ser o que faz a alegria do outro e a sensação de vazio do meu próximo pode ser justamente o meu desejo de paz.

Não há como comparar seres humanos, nós que somos tão iguais, criados à imagem e semelhança uns dos outros, somos também dotados de uma individualidade única, especial e que nos torna, sem exceção, essenciais para que a vida siga o seu percurso, nos encaixando nas semelhanças e nos completando nas diferenças.

Ninguém, jamais, será humano o suficiente para entender completamente a dor do outro, mas qualquer um de nós pode ser melhor a cada dia e ter a chance de mergulhar despretensiosamente no sentimento alheio, com amor, leveza e paz.

Saber respeitar os sentimentos e as diferenças entre as pessoas é a maior prova de que estamos seguindo pelo caminho do bem. Peça desculpas, se arrependa, chore quando necessário, pois a humildade pode fazer milagres e o perdão pode mudar tudo – isso depende de você, de mim e de todos nós.

𝑲𝒆𝒏𝒚𝒂 𝑫𝒊𝒆𝒉𝒍
🅐🅤🅣🅘🅢🅜🅞🅜🅐🅚🅔

Deixar uma resposta